Windows == 20% do PIB per capita

TuxAtravés do Slashdot me deparei com 3 artigos interessantes sobre porque o software livre é tão "forte" no Brasil. O primeiro apresenta de cara um levantamento "econômico": o Windows para um Brasileiro custa 20% do PIB per capita, contra 1% para um americano. Essa diferença por si só já justificaria bastante coisa, mas ele entra com outros fatores:

  1. Total desrespeito por direitos autorais
  2. fortes sentimentos anti-microsoft, e
  3. monopólio "linux" entre os geeks dominantes.

Citando ainda um agravante para os dois primeiros pontos: Forte sentimento anti-americanista. Acho que pra nós, nada de novo... Mesmo assim, com explicações históricas e levantamentos ele embasa muito bem essas opiniões. Excelente artigo.

link

O segundo basicamente "cita" o primeiro com um breve resumo e acrescenta: Nem tudo é sentimento anti-americano, parte disso é só a percepção de que é quase impossível construir um negócio na área de software de sucesso baseado em software alheio :).

link

Por último vem um artigo sobre a degradação da imagem do Brasil como paraíso do software livre. Os motivos são controversos: corrupção ou incompetência, tanto faz. O Brasil desrespeita TANTO os direitos autorais que nem mesmo as licensas livres (que são também baseadas nos princípios dos direitos autorais) são respeitadas. As políticas públicas se baseam mais em "chupar" software de graça já que não dá pra piratear microsoft, do que em criar realmente um desenvolvimento de sotware local (o que seria louvável). Por fim, o governo Lula abandonou no último mandato qualquer menção ao software livre exceto por coisas vagas como "melhorar os serviços para o cidadão (...) e ampliar a base tecnológica, incluindo o uso de software livre".

link

VMware e PulseAudio no Ubuntu 8.04 Hardy Heron

Atualizei na madrugada de ontem pra hoje, e me deparei com dois problemas: O totem "travava" e o internet banking do banco do brasil não entrava mais...

Bom, fazer entrar o site foi fácil: pelo synaptic eu desistalei do plugin java "gcj" e forcei a reinstalação do plugin java 6 da sun. Só que o diaxo do BB resolveu que meu computador era agora outro computador! E a pior merda do mundo é conseguir cadastrar o computador pelo telefone (antigamente era moleza, mas agora o cara pergunta até a opção sexual e o nome da namorada do jardim de infância).

O VMWare

Mas como eu sou safo, eu tenho uma vmware de emergência que é cadastarda 🙂 sempre que preciso recadastrar meu computador, subo a vmware e cadastro... Quer dizer... Quando o vmware funciona... E por algum desígnio de Buddha, a atualização do ubuntu removeu meu VMware...

Não me faço de rogado, é só baixar de novo, claro.

... 1 hora e vários joguinhso mais tarde ...

CLARO que tinha um motivo pro ubuntu desinstalar meu vmware: os drivers que ele usa não são compatíveis com o kernel mais novo. E enquanto a vmware não resolve o problema, o ubuntu é que não quer assumir: ranca logo essa coisa!

Mas eu precisava dele. Era isso ou andar quase 500 metros até uma agência! HORROR!

De google em google, de forum em forum, achei o milagre: um patch e um HOWTO! Alias, achei em dois lugares: aqui e aqui. Finalmente, cadastrei meu computador, depois de quase 3 horas de luta (e tédio, e joguinhos).

O som

Mas ainda não resolvi o outro problema: O som. Alguns programas com som, outros sem. Alguns sem som, e o totem travando. Eu vi em alguns lugares umas referencias a um tal de PulseAudio e resolvi correr atrás: fui direto ao labirinto de Falken e achei isso: https://wiki.ubuntu.com/PulseAudio.

Reiniciei o X11 e fui pro abraço!